5 Dicas para Comprar Bike Usada

5 Dicas para Comprar Bike Usada

Comprar produtos usados pode se tornar bem lucrativo já que você pode adquirir algo novo ou semi novo por um bom preço e menor do que quando comprado na loja.

Essa técnica é muito comum principalmente para quem quer efetuar alguma compra mas não tem como investir financeiramente em uma bike nova, por exemplo.

É possível encontrar praticamente todo tipo de produto vendido em segunda mão (como também é chamado um produto já utilizado), inclusive bicicletas em diversas plataformas, redes sociais, lojas físicas, com seu vizinho ou algum conhecido.

Mesmo sendo algo rotineiro, muitos erros são cometidos ao comprar bikes usadas e isso pode acabar gerando prejuízo e muita dor de cabeça depois. Em compras assim não são emitidas notas fiscais e não é o tipo de compra que possui garantia.

Devido a esses fatores, é muito fácil cair em alguma cilada ou ser vítima de algum tipo de golpe então algumas precauções devem ser tomadas sempre.

Sabendo disso é necessário tomar alguns cuidados ao fazer esse tipo de transação para que não surjam problemas posteriores. E pensando nisso, nós do Bicicleta para todos separamos algumas dicas que você deve seguir quando for comprar uma bike usada.

Recorrer a sites de confiança

Bom, essa dica é para você que já está pensando em comprar a bicicleta usada mas, não sabe de quem comprar e nem por onde começar a procurar.

Existem diversos sites específicos para compra e vendas de produtos usados e é possível que você encontre a bike ideal para você em alguma dessas plataformas que geralmente também possuem aplicativos para Android e iOS, facilitando ainda mais o acesso.

Esses sites são super fáceis e práticos de usar. Possivelmente você deverá se cadastrar colocando alguns dados pessoais como nome, sobrenome, ano de nascimento e localidade.

Muitos sites utilizam também a localização do seu celular para oferecer vendedores próximos a você, que moram na mesma cidade ou em alguma cidade próxima à sua, visando facilitar a entrega ou a busca do produto.

Assim que seu cadastro for efetuado, na barra de pesquisa será possível que você digite o nome do produto desejado, assim como em qualquer aplicativo de compra e venda.

Assim que for pesquisado, aparecerão as opções com os modelos das bikes e valores. Você poderá escolher a que mais te agradar.

Geralmente esses sites disponibilizam que o comprador converse com o vendedor por um chat, a plataforma na verdade, funciona apenas como ponto de encontro, um mediador. Se você preferir poderá passar seu número pessoal e pedir outras fotos além da que estarão disponíveis na plataforma.

Alguns sites disponíveis para compra de produtos usado e que são bastante conhecidos são: OLX, Shoptime, Submarino, Enjoei e Mercado livre. Pesquise sobre a politica de serviços para decidir qual o mais seguro.

É muito importante que você veja outras fotos da bike para ter uma certeza mais concreta se esse produto é o ideal.

Após isso, marque em um lugar público o encontro para ver ao bicicleta pessoalmente. Recomendamos que seja em local público para evitar golpes ou assalto. Tenha sempre cuidado com encontros envolvendo pessoas desconhecidas.

Caso a compra for feita em sites que trabalham com outras modalidades além da venda de produtos usados como o shoptimee submarino é quase certeza que a entrega da bike vai vir de localidades que ficam relativamente longe da sua.

Então é importante que você saiba quando o objeto foi postado e a data prevista para chegar na sua casa. Passe sempre um endereço que terá sempre alguém em casa. Como você sabe, um produto pode chegar antes ou depois do previsto.

Continue lendo para conferir outras dicas importantes para quando for comprar uma bike  usada. As dicas abaixo são essenciais na hora de conferir a bike independente se ser comprada em algum site, plataforma, aplicativo ou com alguém próximo.

Conferir as peças

Essa dica é uma das mais importantes. Examinar a bike antes de comprar é essencial para que você não caia em nenhum tipo de golpe e precise gastar mais depois.

O guidom por exemplo, é a peça da bike responsável por coordenar a direção, ou seja, em qual sentido estará indo. É com essa peça que você também fará as curvas, se essa peça estiver danificada, amassada ou torta poderá ser um problema.

Os freios são peças muito valiosas na estrutura de uma bicicleta. Sempre confira se os fios estão no lugar e se necessário, pesquise ou assista um vídeo antes para saber como e onde esses fios devem estar.

Se os freios não estiverem funcionando de forma correta você poderá facilmente se envolverá em um acidente.

Confira também se as peças não estão enferrujadas. Uma bike com peças oxidadas é sinal de que o dono não se preocupava muito com cuidados e que provavelmente essa bike ficava frequentemente na chuva.

Como você já deve imaginar, peças enferrujadas não estão em bom funcionamento na verdade, a peça fica muito mais frágil e mais fácil de quebrar ou romper.

E isso pode acontecer em qualquer lugar ou situação!

Verifique se os pedais e assento estão em bom estado, caso não estejam e você ainda quiser comprar, é possível pedir pra diminuir ainda mais o valor já que vai ser preciso desembolsar mais dinheiro para o conserto.

Os pneus também devem ser checados, observe bem se não estão muito gastos para ter noção de quanto tempo vão durar até ser necessário que sejam substituídos por novos e para evitar que o pneu da estoure no seu percurso.

Após os pneus, olhe também câmara de ar e, se for o caso. Verifique também se os aros estão em boas condições de uso. Se estiver tudo certo, o próximo passo é pagar pela sua bike e levar para casa.

Para ter uma noção melhor de como o conjunto está funcionando, recomendamos que você faça um test drive, o mesmo feito em carros. Saia para pedalar um pouco, teste o freio, se certifique que as rodas estão com boa rolagem e troque as marchas para de certificar

Observe atentamente se não há uma possível pintura recente em algum ligar específico da bicicleta, isso pode ser sinal de que o vendedor está tentando cobrir alguma falha. Muitas vezes com algum tipo de tinta ou esmalte.

Tenha em me mente a finalidade para qual essa bike será destinada. Se você quer uma bike para fazer trilhas ou apenas pedalar até a escola ou até ao trabalho.

Se a bicicleta será utilizada no asfalto ou você quer apenas adotar um estilo de vida mais saudável.

Com essas informações será muito mais fácil identificar o que você procura no produto, como você quer que seja o quadro, o pneu e as demais peças. Se devem ser mais reforçadas ou não, o tipo de material predominante conta!

Não cometa o erro de comprar uma bike urbana, que é projetada para percursos leves e cotidianos, por exemplo, para ir fazer trilha em terrenos íngremes, cheios de obstáculos e curvas agressivas. A estrutura da bicicleta não vai suportar e rapidamente será danificada.

Se você quer fazer trilhas, obviamente o investimento terá que ser maior.

Comprar com nota fiscal

Posso pedir nota fiscal comprando produto usado? Em alguns casos, o mais recomendado é que você faça isso.

O caso mais importante é se a bike for vendida por outro comprador e parecer muito nova é recomendado que você peça o comprovante de compra.

Isso porque, nesse caso, inocentemente você pode comprar uma bicicleta que foi roubada e isso pode parecer que não é seu problema mas, pode acabar sendo futuramente.

Não é tão difícil que a pessoa que foi roubada reconheça sua antiga bike na rua e acuse VOCÊ do furto. De fato, notas de compra não são o tipo de documento que a maioria dos compradores acham adequado guardar. Mas, também não é comum que joguem fora de imediato.

Comprar produtos roubados se encaixa como crime que pode resultar em pena de até 4 anos de reclusão e multa ainda que o criminoso não tenha sido julgado, isso para as pessoas que compram conscientemente.

Para a receptação culposa, ou seja, quando alguém compra algum produto roubado ter noção da origem e de forma inocente, a pena pode ser de três meses a um ano de retenção, multa ou as duas penas simultaneamente.

Além disso, você estará estimulando esse tipo de comércio que continuará crescendo e se tornando cada vez mais frequente até que a vítima possa ser você.

Então, tenha muito cuidado com esse tipo de compra, não coloque a sua liberdade e sua paz em risco. Sempre será possível encontrar outras opções e ainda assim economizar dinheiro.

Desconfie se o vendedor encontrar desculpas para não enviar fotos ou marcar o lugar de encontro.

Atualmente também é possível e recomendado que o dono da bike faça o registro do produto após comprar. Esse processo pode ser feito por um aplicativo cujo o nome é bike registada

A partir desse aplicativo é possível encontrar a lista de bikes registradas e fica mais fácil para civis e militares identificarem se é mesmo roubada ou não.

Outra opção é pedir a nota fiscal eletrônica ou checar junto com a pessoa com quem você pretende comprar, lá estará disponível o comprovante caso a pessoa tenha perdido ou descartado no lixo. Pode ser encontrada no site da receita federal.

Bom, se ainda assim você optar por comprar sem uma nota fiscal, mesmo que seja alguém conhecido que você tenha certeza de que não é um produto proveniente de furto, prefira pagar por depósito, transferência ou pix. Dessa forma você terá a comprovação de que pagou pelo produto.

Valor muito baixo

Mais uma dica para comprar sua bike sem cair em golpes é ficar atento em valores muito baixos que não condizem com tempo de uso.

Essa é uma tática utilizada por quem quer se desfazer de algum produto de forma rápida e pode ser que a razão para isso seja  algum problema na bike difícil de resolver.

Pode ser uma peça difícil de encontrar ou que seja muito cara. A forma correta de agir diante disso é inicialmente perguntando o motivo da venda, pedir fotos da bicicleta e depois entrar em acordo sobre horário e local para ver o produto pessoalmente e analisar.

É interessante que você pesquise o modelo para saber quanto custa quando comprado novo e que faça pesquisar e saiba qual o preço médio do mesmo produto se comprado usado.

Esse processo evitará também que você pague um valor muito alto pelo produto.

Desconfie se o vendedor estiver sempre tentando contornar você para que não aconteça a verificação da bike pessoalmente ou se não estiver mandando as fotos.

Quando for ver a bike analise minuciosamente todas as peças assim como recomendamos no item Conferir as peças.

Pesquisar sobre o modelo

Por último e não menos importante, pesquisar bem sobre o modelo de bike que você quer comprar, mesmo que você não tenha noção disso inicialmente.

Decidir se pesquisa apenas por “bicicleta” ou por um modelo específico fica por sua conta mas, pesquisar sobre o modelo escolhido facilita muito para reconhecer se as peças estão em bom funcionamento.

Além disso, fazendo essa pesquisa você também saberá quais problemas são comuns nesse modelo e assim vai mais fácil fazer as perguntas corretas.

Essa pesquisa pode ser em sites que produzem resenhas, como esse em que você está, sites da marca, vídeos no youtube e o famoso reclame aqui.

No Reclame aqui, é possível ter acesso aos comentários sobre insatisfações dos clientes em relação a vários tipos de produtos e serviços. Esse site é específico para esse tipo de comentário para que outros futuros compradores sejam alertados.

Mas, em outros sites, mesmo que não possuam essa finalidade específica, os leitores e clientes tem o hábito de fazerem comentários sobre a mercadoria e você pode observar isso para saber se vale a pena ou não efetuar a compra.

Pronto! Seguindo todos esses passos você poderá efetuar sua compra de forma segura e tranquila.

Tenha muito cuidado e não pule nenhuma etapa.

Esse artigo foi útil para você? Converse conosco nos comentários.