Cross Country, Downhill e Bike Trial: as modalidades radicais de ciclismo

Cross Country, Downhill e Bike Trial: as modalidades radicais de ciclismo

Quantas modalidades do ciclismo você conhece? Hoje, vamos te apresentar três muito importantes e que tem ganhado cada vez mais adeptos: cross country, downhill e bike trial.

Engana-se quem pensa que ciclismo é apenas pegar a bicicleta e sair pedalando. Muito embora todo mundo comece assim, existem várias modalidades diferentes que tornam o ciclismo um esporte.

Diferentes modalidades possuem diferentes objetivos, assim como seus estilos variam e conquistam pessoas com gostos diversos para o esporte.

Três modalidades que tem ganhado cada vez mais fama e destaque são as que vamos apresentar agora, neste artigo.

Ao final, veja dicas de como você pode escolher uma modalidade para seguir no ciclismo - e, quem sabe?, descobrir uma nova paixão.

modalidade ciclismo radical cross country

Cross Country

O Cross Country é uma modalidade muito conhecida e tradicional para corridas. E também existe esta mesma modalidade adaptada no ciclismo.

Sem dúvidas, não é uma modalidade para quem é muito iniciante. Pois existe bastante esforço físico, atenção e equilíbrio.

O que é Cross Country e como funciona

Basicamente, as competições de Cross Country ocorrem em meio à natureza, com muitos obstáculos naturais e artificiais também.

Esta é uma modalidade clássica do Montain Bike (MTB) e, por isso, possui uma grande intensidade, que exige bastante do ciclista,  e atualmente esta é a única modalidade variante do MTB que é reconhecida como esporte olímpico.

As provas de Cross Country são bem mais longas do que a de outras modalidades, e possui muitos obstáculos, especialmente de irregularidades ao longo do terreno percorrido, assim como diferentes tipos de aclives e declives.

A modalidade se divide em duas categorias diferentes:

  1. XCO (Olímipico): ocorre em circuito fechado de até 6km em toda a extensão percorrida, com diversos obstáculos.
  2. XCM (Maratona): percurso com até 120 km de extensão, com menos obstáculos.

O Cross Country exige um bom condicionamento físico do ciclista, especialmente no que se refere à resistente aeróbica e de força.

Por isso, é ideal começar a modalidade quando você já pedala há algum tempo e com frequência.

Além disso, os iniciantes na categoria precisam começar com calma e paciência, treinando bastante antes de engatar em competições e provas.

Outro fator essencial para começar na modalidade é ter uma boa bicicleta hardtail. Quanto mais leve e mais resistente for a sua bicicleta, melhor será para as provas e competições.

Também é ideal que o ciclista esteja bem equipado com tudo necessário para sua segurança: capacete, luvas, óculos, e até mesmo tênis e vestimentas para ciclismo.

História de como surgiu o Cross Country

O Cross Country surgiu a partir do Mountain Bike, que já existe há cinco décadas e não para de ganhar adeptos, especialmente em suas diferentes categorias.

Esta modalidade surgiu em meados de 1970, por ciclistas norte-americanos da Califórnia. O ideal inicial foi trazer o que já existia no ciclismo de asfalto para trilhas e terrenos acidentados, em meio à natureza e com seus obstáculos naturais.

Ou seja, colocar ainda mais adrenalida nesta atividade.

Os seus inventores, Tom Ritchey e Gary Fisher foram também os responsáveis por realizar as primeiras adaptações em bikes para a modalidade MTB.

Desde 1996 o MTB é disputado nos Jogos Olímpicos, com a modalidade de Cross Country.

modalidade ciclismo perigoso downhill

Downhill

Outra modalidade para quem ama estar em contato com a natureza enquanto pedala e não tem medo de enfrentar muitas aventuras na sua bike é o DownHill.

Mas atenção: esta é uma das modalides mais intensas do ciclismo!

Inclusive, esta é uma modalidade muito semelhante ao Cross Country, o que faz com muitas pessoas iniciantes confundam.

No entanto, há diversas diferenças e nós vamos explicar tudo o que você precisa saber para conhecer o Downhill em sua essência!

O que é Downhill e como funciona a modalidade

O Downhill também é uma modalidade fundida do Mountain Bike. Mas, diferente do Cross Country, nesta modalidade temos as seguintes características:

  • Descidas íngremes e bastante agressivas;
  • Busca pela maior velocidade possível durante as provas e treinos, chegando em torno de 80km/h;
  • Percursos com obstáculos difíceis, como buracos, galhos, pedras, pontes, raízes de árvores.

Embora os percursos podem ser muito variados (e até mesmo existe uma modalidade de Downhill urbano), há diversas provas que levam o conceito da categoria ao extremo e realiza percursos em montanhas.

Além disso, existem técnicas de ciclismo específicas que são utilizadas somente no Downhill, o que torna esta uma categoria bastante única.

Aqui, o condicionamento do ciclista é ainda mais importante, pois são necessárias diversas habilidades, como força, resistência física, precisão e bastante equilíbrio.

As provas possuem trajetos curtos, em torno de 4km, mas o ciclista faz o trajeto duas vezes. Ao final, o vencedor é aquele que obteve o menor tempo.

O ciclista também precisa ir bem preparado, com uma bicicleta específica para este tipo de competição, que conta com suspensão dianteira e traseira, bons freios, e pneus mais largos, que garante maior aderência.

Por fim, você jamais pode esquecer de ter todos os acessórios possíveis de segurança para pedalar, com capacete full face, além de acessórios que protegem os cotovelos e joelhos, assim como luvas e ósculos.

Quanto mais protegido você estiver, melhor será. Afinal, em tão alta velocidade que o ciclista percorre durante a prova, uma queda pode fazer um estrago feio.

História de como surgiu o Downhill

Muitos afirmam que o Downhill, que hoje é considerada uma categoria dentro do Mountain Bike, surgiu antes mesmo da sua modalidade-mãe.

Assim, há registros de competições de DownHill em meados da década de 70, que utilizavam bicicletas comuns de passeio para os percursos. No entanto, a primeira bike para a modalidade surgiu em 78 e as competições oficiais de Downhill só foram começar em 90.

Desde o começo, a prioridade maior sempre foi a velocidade atingida. No entanto, com o passar do tempo, obstáculos foram sendo adicionados na prova, dificultando os percursos.

modalidade de ciclismo bike trial

Bike Trial

Outra modalidade que existe bastante coragem do ciclista é o Bike Trial, uma categoria com provas repletas de obstáculos para aqueles que já possuem habilidade no pedal.

O que é Bike Trial e como funciona

O Bike Trial é uma modalidade de ciclismo que surgiu a partir do Moto Trial, uma modalidade do motociclismo bastante popular no Reino Unido e Espanha.

No Bike Trial,  a principal conquista é vencer obstáculos, não sendo a velocidade um fator tão importante.

O desafio maior é: você precisa vencer obstáculos físicos (naturais, como rios, troncos e raízes de árvores, pedras; ou artificiais, como pneus, caixotes, barris) sem tocar qualquer parte do corpo (mãos, pés, pernas…) no chão.

O vencedor é aquele que conseguir completar a prova em menor tempo, mas também com o menor número de faltas durante o circuito.

A bicicleta para praticar o Bike Trial é diferente, com o quadro bastante alongado, o aro das rodas podem variar de 20, 24 ou 26. Além disso, é essencial que possua bons freios e pneus bem macios.

Essa também é uma categoria que exige bastante coragem do ciclista, pois acidentes podem acontecer e, com tantos obstáculos na prova, pode ser batsnate perigoso.

Por isso, é essencial praticar bem equipado, utilizando acessórios de segurança, como um bom capacete e luvas. Normalmente, os ciclistas optam por peças de roupa simples, como shorts de ciclismo e camisetas, o que facilita a mobilidade.

História e como surgiu o Bike Trial

Como mencionamos, o Bike Trial veio de uma modalidade de competições de motos, o Motorcycle Trail, e foi criado na Espanha.

Também foi uma modalidade criada na década de 70, com a primeira bicicleta desta categoria sendo criada em 1974, por Josep Figueras.

O Bike Trial Internacional Union surgiu em 1990, quando vários países se reuniram e constituíram este órgão responsável pelo esporte, que organiza competições internacionais reunindo atletas dessa modalidade ao redor de todo o mundo.

O primeiro registro do Bike Trail chegando ao Brasil foi em 86, com Edu Capivara. Hoje, existem em torno de 200 competidores brasileiros desta modalidade.

Como escolher uma modalidade do ciclismo?

Como mostramos, estas três modalidades do ciclismo (Cross Country, Downhill e Bike Trial) são bastante radicais e exigem experiência, coragem, equilíbrio e habilidades diversas do ciclista.

No entanto, esta são apenas três de centenas de modalidades, entre outras muito conhecidas, estão:

  • Ciclismo de estrada;
  • Ciclismo de Pista;
  • BMX;
  • Singletack;
  • Freeride;
  • Enduro;
  • Cicloturismo.

Dentro do MTB, existem diversas categorias diferentes, assim como de outras modalidades que se desdobraram.

Por isso, escolher uma modalidade pode ser tão difícil, especialmente para ciclistas iniciantes ou aqueles que pedalam há muito tempo, mas não conhecem diferentes opções.

Preparamos algumas dicas que podem te ajudar!

modalidades do ciclismo

Conheça as modalidades

O primeiro passo para fazer uma boa escolha é tendo conhecimento de quais são as suas opções.

Por exemplo, agora você já conhece três modalidades muito famosas, suas principais características e o que é necessário para ser um adepto.

Mas ainda existem outras opções, e quanto mais você conhecer, melhor será!

Assim, busque entender quais são os principais objetivos de cada modalidade. É força? Velocidade? Resistência física do ciclismo? Precisa vencer muitos obstáculos? É muito perigoso? É mais tranquilo?

Tudo isso são perguntas que devem ser respondidas durante a sua pesquisa pelas modalidades, de forma que você complete um dossiê com todas elas e, depois, possa fazer uma escolha bem consciente sobre aquela que tem mais a ver com você!

Conheça seus gostos

Uma vez que você já conhece quais modalidades existem, é hora de entender que tipo de ciclista você é.

Por isso, recomendamos que você escolha uma modalidade apenas depois de já pedalar há algum tempo. Assim, você saberá dizer com certeza o que mais te motiva e impulsiona.

Por exemplo, existem ciclistas que amam a adrenalina de superar obstáculos. Há aqueles que preferem ter diante de si apenas o horizonte, sentindo a velocidade cada vez maior.

Há ciclistas que preferem pedalar no meio urbano, enquanto há aqueles que desejam estar em meio à natureza, conhecer lugares novos enquanto pedala.

Tudo vai depender do tipo de aventura que você procura. Isto é, se você realmente quer aventura!

Se você também já tem um histórico com outros esportes e atividades físicas, isso pode influenciar bastante. Afinal, você já vai possui uma aptidão maior para determinado tipo de atividade, com habilidades específicas.

Biotipo

Além do seu gosto, é importante também entender como o seu biotipo pode influenciar no seu desempenho como ciclista.

Sim, o seu corpo - sua altura, seu peso, gordura, ossos, músculos e diversos outros componentes - pode definir qual modalidade é melhor para você.

Para entender bem como isso funciona, observe os primeiros colocados em diferentes provas e competições para diferentes modalidades do ciclismo.

Você perceberá que os primeiros colocados geralmente possuem um biotipo muito semelhante.

Isso porque diversos fatores do seu corpo podem influenciar e até mesmo determinar sua pré-disposição para atividades físicas.

Por exemplo, uma pessoa mais alta, que possui dificuldade em ganha massa muscular é excelente para atividades físicas que envolvem velocidade.

No vídeo abaixo, é explicado em detalhes como o biotipo pode influenciar na escolha da modalidade de ciclismo:

O ciclismo é uma das melhores atividades físicas que existe, trazendo diversos benefícios para sua saúde física e mental. E não é a toa que a cada ano ganha novos adeptos.

E o mais incrível deste esporte é a sua versatilidade. Como mostramos, o ciclismo não é tudo uma coisa só. Existem diferentes modalidades para diferentes gostos e disposições.

Basta escolher aquela que dá mais certo e mais combina com você!